O Espaço Criança é o cantinho NaturDescoberta dedicado a todas as crianças.

Neste cantinho existem vários dossiers: *Notícias do Mundo; *Mundo Animal; *Mundo das Plantas; *Truques do Am; *Aventuras da Na; *NaturCalendário; *Desafios e passatempos divertidos, para te ajudar a descobrir a importância de preservar o Planeta Terra.

Sê amigo da Natureza e do Ambiente, vem daí... e diverte-te connosco!

Vamos salvar o Planeta Terra!
........................................................................................................ Na(tureza) & Am(biente)

2011 - Ano Internacional das Florestas

Para ficarmos a conhecer as principais espécies florestais portuguesas, todos os meses vamos falar de uma espécie diferente...

ESPÉCIE DO MÊS:
* Sobreiro (Jan.11)
* Pinheiro-bravo (Fev.11)
* Eucalipto (Mar.11)

Sobreiro

Nome comum: sobreiro, sobro ou chaparro
Nome científico: Quercus suber
Género: Quercus (carvalhos – quercus spp)
Família: Fagáceas
Mata de sobreiros: Montado de sobro
Distingue-se da azinheira: pela produção de cortiça
Utilidades: Extracção de cortiça, aproveitamento do seu fruto (lande ou bolota) e da sua madeira como lenha
Períodos entre os descortiçamentos: 8 a 12 anos (normalmente 9 anos)
.
O sobreiro é uma árvore de clima mediterrânico sendo das espécies florestais mais abundantes em Portugal. Encontra-se em quase todas as regiões do país, mas as maiores manchas desta espécie situam-se a sul do rio Tejo, principalmente no Alentejo. É uma árvore pouco exigente que se dá melhor em terrenos siliciosos e nas encostas pouco elevadas em que a temperatura média varie entre os 14 e os 15 º C; é exigente em humidade e não suporta geadas. A uma mata de sobreiros chamamos um montado de sobro; mas muitas vezes o sobreiro aparece juntamente com azinheiras e carvalhos.
.
O sobreiro pode ser uma planta espontânea ou cultivada. Atinge uma altura de 10 a 20 metros e a sua copa é ampla e pouco densa. O tronco ramifica-se em grossas pernadas, revestidas por uma casca acinzentada, espessa e fendida chamada cortiça. É uma árvore de folha persistente, verde-escuro na página superior e esbranquiçada na página inferior (devido à cobertura de finos pelos brancos). As folhas têm a forma ovada e podem atingir de 2 a 10 cm de comprimento; as margens são serradas ou denticuladas e com pequenos picos no extremo das nervuras secundárias. A bolota é aproveitada para a alimentação do gado suíno.
.
Um sobreiro demora cerca de 25 anos a produzir a primeira cortiça. A cortiça é um produto muito apreciado em todo o mundo, porque é um bom isolador térmico e acústico, para além das outras aplicações: cortiços para abelhas, solas, palmilhas, bóias, rolhas, papel de cortiça, serradura, granulado, aglomerados, o linóleo, etc. Em termos ecológicos a cortiça tem também uma importância muito grande: por um lado protege a árvore do fogo e por outro serve de abrigo a inúmeros animais, sobretudo insectos, e plantas (musgos, líquenes e algas microscópicas).

Sem comentários:

Enviar um comentário